Psicologia nas corporações ajuda a buscar equilíbrio e a trazer resultados

Engajamento dos colaboradores e ambientes de trabalho mais criativos estão entre os principais benefícios trazidos pela psicologia corporativa

Tempo estimado de leitura: .

11 de julho de 2023

Alcançar metas, ser proativo e garantir criatividade mesmo em momentos de crise. Estas são apenas algumas das características valorizadas pelo mercado de trabalho em um colaborador. Dar conta de todas essas qualidades também requer o cuidado com a saúde mental. Entendemos que o tema deve fazer parte da lista de tarefas de uma instituição que pretende seguir em crescimento. 

Ter um profissional da psicologia capacitado dentro dos ambientes de trabalho traz benefícios em diferentes pontos da empresa. 

“A urgência por qualificar os vínculos passa pela reflexão sobre o trabalho, o mercado e o mundo em que estamos inseridos e que iremos construir. Primar por uma relação saudável com o trabalho e com a organização me parece ser algo fundamental, pensando até nas novas demandas do mercado, que visam o desenvolvimento de habilidades de comunicação e de comportamento, instigando a criatividade”, avalia a psicóloga e coordenadora do curso de Psicologia da Atitus Campus Porto Alegre, Júlia Schneider Protas. 

Acreditamos que a psicologia pode atuar dentro de uma corporação desde o momento de recrutamento e de seleção de novos funcionários, como, também, nas fases de treinamento, desenvolvimento de carreira e estratégias de promoção à saúde mental dos trabalhadores. 

“Passamos boa parte da nossa vida trabalhando. Um trabalho vinculado, com propósito, que respeita as pessoas e suas características, possui um impacto muito positivo em termos de motivação, criatividade e qualidade. O engajamento que tanto se fala deve ser algo vivido, não apenas verbalizado, pois as falas soltas sem ações efetivas acabam gerando menos sensação de bem-estar e, automaticamente, menos motivação”, explica Júlia.

Pesquisar para melhorar

O profissional da psicologia que se dedica aos ambientes corporativos também é responsável por realizar um diagnóstico institucional, em que se verificam os pontos positivos e também os que necessitam de melhorias para a implementação de estratégias. Para isso, é preciso conhecimento sobre gestão de pessoas e um olhar abrangente sobre os novos formatos corporativos. 

Uma das linhas de pesquisa do nosso Mestrado em Psicologia, localizado no Campus Passo Fundo, tem seu foco na psicologia das corporações. No entanto, a atuação da psicologia não está apenas ligada a empresas formais mas, também, a instituições públicas e privadas, como universidades, presídios, escolas e hospitais. Isso colabora para a saúde ambiental e, ainda, ajuda na pesquisa para a identificação e a resolução de problemas nesses espaços.

Com foco em preparar psicólogas e psicólogos para o contexto dinâmico das corporações, oferecemos, além do corpo docente atualizado e atuante no mercado, o diferencial da Aceleradora de Carreiras, que colabora para conectar nossos estudantes ao mercado.

“A preparação de um psicólogo deve ser pautada nas bases científicas e éticas da profissão, costurando com a possibilidade de experiências de uma psicologia real, de inserção em empresas e clínicas afins na etapa dos estágios obrigatórios. Um psicólogo deve ser capaz de realizar uma leitura da realidade e desenvolver uma estratégia de intervenção criativa e efetiva. E essas habilidades serão desenvolvidas apenas com a experiência vivencial de estar inserido no mercado”, afirma Júlia Rodrigues, coordenadora do Mestrado em Psicologia. 

Quer saber mais sobre a psicologia corporativa? Confira os nossos cursos de graduação e pós-graduação.

Mais Acessados

... Tecnologia

3 livros essenciais para os apaixonados por Ciência da Computação

26 de setembro de 2023

... Carreiras

Administração Pública: Como trabalhar na área?

14 de dezembro de 2023

... Carreiras

Negócios na telinha: 3 séries imperdíveis para quem quer empreender

14 de dezembro de 2023