Estagiando: experiência que une psicologia e tecnologia

Estudante de Psicologia compartilha experiência transformadora em mais um conteúdo da série Estagiando

Tempo estimado de leitura: .

03 de janeiro de 2024

Próximo de iniciar o 10º semestre do curso de Psicologia na Atitus Educação, o estudante Andrigo Godinho Schons compartilhou sua jornada em mais um conteúdo da série Estagiando. No bate-papo, Andrigo destacou uma peculiaridade de sua jornada: a união da psicologia e da tecnologia. 

Andrigo sempre teve a curiosidade em compreender o ser humano, mas seu interesse pela tecnologia o levou a um dilema na escolha da profissão. Ao conhecer a Psicologia, ele encontrou o caminho para conciliar suas paixões. “Vi na Psicologia uma oportunidade de saciar minha curiosidade sobre as relações sociais, ajudar o próximo e atuar na ponta do desenvolvimento humano,” explicou.

Ao buscar um curso de graduação em Psicologia, percebeu que existiam várias abordagens e diferentes áreas de atuação. “Escolhi um curso amplo, que pudesse me apresentar todas as áreas de atuação e me abrisse portas para o mercado de trabalho, então iniciei o curso na Atitus”, contou. 

Ao iniciar na Psicologia, Andrigo percebeu uma certa resistência da área em se aproximar da tecnologia e da inovação, mas o próprio curso o inspirava a ir na contramão desta corrente. Em sua busca por estágio, Andrigo escolheu a Enter Tech Edu, uma startup de educação em tecnologia do ecossistema Atitus, onde teve a oportunidade de vivenciar a interseção entre Psicologia e inovação. “Lá aprendi a desenvolver soft skills em diversos públicos (e em mim mesmo). Fui apresentado às metodologias ativas, ao mundo das startups e ao empreendedorismo. Fui incentivado a desenvolver um projeto, desenhar um produto, rodar um MVP, e lançá-lo, práticas essas pouco usuais dentro da psicologia”, comentou Andrigo.

No ambiente da startup, teve espaço para praticar a psicologia de maneira inovadora, sugerir ideias e até desenvolver projetos. Essa experiência pouco convencional na área trouxe aprendizados valiosos, mostrando que a Psicologia pode ser tecnológica e inovadora sem perder sua essência ética e empática.

Para Andrigo, o estágio vai além do conhecimento prático. É uma oportunidade de experimentação pessoal, permitindo aos estudantes descobrir suas afinidades e entender melhor o mercado de trabalho. “A nossa carreira não começa após a formatura, e sim na inscrição para o vestibular, talvez até antes”, avaliou. 

Ao falar sobre sua experiência na Atitus, Andrigo enfatizou a proximidade da instituição com o mercado de trabalho. “A Atitus é diferente. Nos prepara não só para sermos empregados ou empreender, mas para sermos bem colocados nesse mercado,” afirmou Andrigo.

Em suas experiências de estágio, ele percebeu que a união entre Psicologia e Tecnologia não apenas é possível, mas é enriquecedora para ambas as áreas. Ele encoraja outros estudantes a explorarem novos horizontes e quebrar paradigmas na construção de suas carreiras. 

Histórias como a do Andrigo você confere na série Estagiando, que compartilha experiências de estudantes da Atitus conectados com o mercado de trabalho.

Mais Acessados

... Notícias

Medicina Atitus 2024/1:  2ª chamada de aprovados no processo seletivo

27 de novembro de 2023

... Carreiras

Administração Pública: Como trabalhar na área?

14 de dezembro de 2023

... Tecnologia

3 livros essenciais para os apaixonados por Ciência da Computação

26 de setembro de 2023