A importância da gestão de pessoas nas empresas

Um bom gestor reconhece talentos, orienta e tem coragem para inovar

Tempo estimado de leitura: .

15 de setembro de 2023

A gestão de pessoas nas empresas não pode se limitar ao cargo de quem delega tarefas e espera que o fluxo da empresa seja seguido. Gerir é reconhecer potenciais, projetar carreiras e não ter receio em inovar.

O capital humano de uma empresa é mais do que o número de funcionários. Competências, conhecimentos e habilidades dos profissionais devem ser incluídos nisso. Além de prever como a combinação de diferentes pessoas pode resultar para a empresa.

É neste ponto que a gestão de pessoas nas empresas é tão valiosa. Reconhecendo talentos e orientando processos é possível ver o desenvolvimento profissional e pessoal de colaboradores, enquanto isso, gera benefícios também para a empresa, que se otimiza e caminha para melhores resultados.

>> Ecossistema Atitus compartilha resultados e cases de sucesso

Confira algumas dicas importantes para quem se interessa por gestão de pessoas:

Planejamento

Uma forma de monitoramento dessa gestão é feita por Recursos Humanos (RH) com Planos de Desenvolvimento Individual (PDIs). São estabelecidos caminhos para as carreiras dos colaboradores. Isso dá objetivos para os profissionais terem estímulos na produção e para que possam experimentar ou propor inovação em processos sem necessariamente ocuparem posições de líderes.

Capacitação

O gestor também precisa estar alinhado a tendências e atualizações. Assim é possível reforçar a ideia de constante estudo. Isso pode ser encarado como qualificação de um profissional que já está ali. E valorizar o colaborador que busca especializar-se ou desenvolver novas habilidades. Até mesmo a flexibilidade em horários para cursos e workshops já é uma forma de reconhecer esse esforço.

>> CredIES: saiba como financiar até 50% da graduação

Comunicação

Para ser um bom gestor, é preciso saber ouvir. A comunicação entre colaboradores e gestores precisa ser assertiva e sincera. Isso envolve a empatia como soft skill, tanto do gestor compreender as necessidades de quem ele gere, quanto do colaborador saber o que está ao alcance de seu líder.

Liderança

Ser líder, de fato, vai além de ocupar cargos. Na Atitus, a mentalidade de valorizar pessoas é aplicada na filosofia que compõe nossos cursos em diferentes áreas. Ligados ao mercado e inseridos em um ecossistema de inovação, os estudantes que passam por aqui desenvolvem habilidades para liderar, empreender e gerir além do óbvio, reconhecendo o que cada pessoa pode oferecer para uma empresa.

Mais Acessados

... Carreiras

Administração Pública: Como trabalhar na área?

14 de dezembro de 2023

... Carreiras

Negócios na telinha: 3 séries imperdíveis para quem quer empreender

14 de dezembro de 2023

... Notícias

Professora e aluno da Atitus são voluntários de projeto social de robótica educacional

21 de dezembro de 2023