3 motivos para usar chatbots em sala de aula

Softwares proporcionam comunicação ágil entre alunos e professores e acesso a diferentes tipos de materiais de pesquisa

Tempo estimado de leitura: .

19 de setembro de 2023

Para muitas empresas, o uso dos chamados chatbots já é uma realidade. Com a popularização de vários softwares de Inteligência Artificial, outros setores começam a perceber vantagens no uso dessa tecnologia. 

No cenário educacional, já há um crescimento na procura de chatbots. Um estudo realizado pelo Serviço Social da Indústria (SESI) e  Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI), constatou que um grande percentual da atual produção científica em inteligência artificial está relacionada com a educação.  

>> VP da Atitus fala a estudantes do Colégio Israelita sobre tecnologia, educação e design

Isso indica uma forte presença da inteligência artificial nos sistemas educacionais e um grande impacto nos processos de ensino-aprendizagem no curto e no médio prazo. Diferente de outras soluções tecnológicas, os chatbots são capazes de “aprender” conforme são utilizados. Eles são uma evolução tecnológica que faz parte da chamada Educação 5.0, na qual o ensino se vale de novas tecnologias para gerar soluções que facilitem a vida dos estudantes e também dos professores, além de qualificar os conteúdos das aulas, algo que tem tudo a ver com a proposta educacional da Atitus: inovadora, flexível e focada em resultados. 

Selecionamos 3 motivos para usar chatbots na educação. Confira:

1) Explorar diferentes cenários de aprendizagem

Os chatbots podem ser adaptados para explorar diferentes tipos de perguntas e respostas, conforme os temas de estudo. Isso simplifica e também torna mais interativo o processo de aprendizagem, estimulando a criatividade dos estudantes. 

2) Adaptar de acordo com a proposta de cada disciplina

Uma das características mais inovadoras dos chatbots é a flexibilidade. Ele pode ser moldado para oferecer informações e até materiais de aprendizagem em formatos como vídeo, texto e áudio. 

3) Acompanhar a evolução do aluno

Com a tecnologia, mudanças também acontecem nos processos avaliativos. Os chatbots podem ser uma ótima ferramenta para testar o conhecimento dos alunos, garantindo a gravação e o envio das respostas para os professores.

Mais Acessados

... Carreiras

Administração Pública: Como trabalhar na área?

14 de dezembro de 2023

... Carreiras

Negócios na telinha: 3 séries imperdíveis para quem quer empreender

14 de dezembro de 2023

... Notícias

Professora e aluno da Atitus são voluntários de projeto social de robótica educacional

21 de dezembro de 2023